terça-feira, 13 de maio de 2008

Será que isto serve de resposta?

Adivinhem o que isto é, antes de lerem. Aposto que não haverá muitos que acertem à primeira...

Amigos,
Hoje vou deixar a Senhora Ministra em paz e responder por este meio a todos os que me perguntam o que faço. Já enviei fotos com meninos a quem ensino, antes de mais, a ser meninos, em Viana, já mandei fotos com um grupo de mulheres de Quibaxi, onde cozinhámos em conjunto o que havia, arranjámos remédios, falámos da necessidade de espaçar as gravidezes, etc. Neste momento estou em Luanda, por acaso muito bem instalada (parece férias...), com o mar a 20 metros de um lado e a 100 metros do outro. Estou a dar 4 horas de formação por dia a pessoas sem habilitações, que fazem trabalhos hospitalares indiferenciados, e a quem procuro instilar a noção de humanização. Porque é de uma necessidade estrondosa. No dia 26 vou para uma Província que ainda não está definida, ajudar a formar mobilizadores. Para isso, escrevi o ano passado um livrinho, cuja edição foi paga por uma empresa angolana, e do qual transcrevo o ponto 5.6., Higiene pessoal e Higiene do Ambiente. Mobilizadores são pessoas mais expeditas que trabalham comigo e depois ficam responsáveis pela implementação do que aprenderam, em termos de saúde, higiene, alimentação, vida familiar, economia doméstica, etc. nas suas comunidades

5.6. Higiene pessoal e higiene do ambiente
A Higiene ajuda a prevenir as doenças, a conservar a saúde e a impedir o contágio de doenças infecciosas. Quando falamos de higiene, estamos a falar da higiene da pessoa, da roupa, dos alimentos, da casa e do quintal, se o houver. Com as crianças, praticamente desde que nascem, deve haver todo o cuidado: fraldas limpas, biberões bem lavados, roupas limpas e próprias para a temperatura, comida bem cozinhada e livre de micróbios, moscas, etc. Tome banho sempre que puder; se não puder, lave a cara, os pés e os braços todos os dias, de manhã e à noite. Use sabão azul. Lave os dentes depois de comer. Ensine o se filho a fazer tudo isto.
Use roupa lavada, por dentro e por fora, lave os alimentos antes de os cozinhar e lave as mãos muitas vezes. Estes são outros cuidados que deve ter.
Construa uma espécie de torneira com um garrafão e uma mangueira ou como se mostra na figura. (Não pude pôr aqui a figura, fica para a próxima...). Não tussa nem espirre para cima dos alimentos e das outras pessoas e não mexa em alimentos com feridas a descoberto. Cubra os cortes ou feridas que tiver.
A nossa casa deve ser arejada, estar sempre bem varrida, sem buracos por onde possam entrar ratos, cobras e insectos. O lixo atrai as moscas e as águas sujas chamam os mosquitos. Varra o seu pátio e enterre o lixo como foi dito antes. Queime folhas de eucalipto, nime, laranjeira, limoeiro ou outras ervas ou folhas do mato com bom cheiro, porque além de perfumarem a casa afastam os mosquitos. Quando lavar a louça, é melhor deixá-la a escorrer do que secar com panos. Mas cubra-a por causa das moscas e outros animais.
Uma das maneiras de termos realmente higiene no lugar onde vivemos é termos latrinas, se não pudermos ter retretes.
Uma latrina deve ser construída perto de casa mas nunca a menos de uns 20 a 25 metros de qualquer local onde haja água, para não estragar a água. Pode fazer-se com chapas de zinco, tijolo, blocos e cobrir o tecto com o que for mais fácil e útil ao mesmo tempo. A fossa da latrina deverá ter uns três metros de fundo por um de abertura. Um bidão velho, metido no solo e depois coberto também pode servir. Pense na cobertura da fossa, onde vai fazer o buraco para as fezes caírem dentro dela. O buraco não pode ser muito grande por causa das crianças e arranje uma tampa com alça para levantar e baixar.
De vez em quando deite um pouco de terra ou cinzas para cima das fezes. As cinzas vão afastar as moscas e o mau-cheiro e ajudam a formar estrume que depois vai tornar a terra mais rica e produtiva. Ensine as crianças a usar a latrina, a limpar-se e a ter cuidado depois: lavar as mãos. Ensine as meninas a limparem-se da frente para trás, porque assim evita a passagem dos micróbios para a vagina. A saúde, sua e dos seus filhos, é aquilo que, para si, deve ter mais valor.
Ajude-nos a ajudá-lo, a si e à sua comunidade.
Aprenderam alguma coisa? Poiséu aprendi a construir latrinas, fornos e coisas assim, para poder ensinar. Sabem, ninguém me ensinou isso na Universidade. Mas eu sempre pensei que a universidade era para nos ensinar a pensar e a agir. A fazer, aprendemos depois, na Vida. Meus Queridos, façam o favor de ser felizes!

7 comentários:

Raul Martins disse...

É verdade CARMO, é a Universidade da vida que nos ensina muito, muito mais.
Eu não adivinhei... tive que ler... uma boa estratégia para nos despertar a curiosidade. Avó marota!
E mais marota quando nos faz inveja... "parece férias"... Longe desta Ministra e deste Ministério sem dúvida que está em férias! Estou eu a imaginá-la aí na linda baía de Luanda. Ainda existe o prédio da Cuca? Via-se de noite e ao longe, um grande prédio com um reclame luminoso com a marca Cuca (marca de cerveja).
Obrigado pelo que vai fazendo pelo país onde nasci. Pela sua humanização e pelo seu crescimento ao nível das condições de higiéne e ambiente.
Um sorriso ( quer saber uma coisa, a Anabela disse que eu tinha um sorriso africano.. bonito), por isso, mando-lhe um grande sorriso africano para si.

RENARD disse...

Nkosi Sikeleli Africa!

Pois é Carmo. Também eu sou africana. Mais propriamente, sul-africana.
Embora tenha deixado o país em tenra idade (9 anos), África é um continente que se burila em nós deixando uma mágoa por nunca lá mais voltar.
Infelizmente não conheço Angola e Moçambique foi só de passagem por Maputo na vinda para Portugal.
Admiro-a imensamente por aquilo que está a fazer. Acredito que tenha tanto de difícil como de gratificante. Também eu, um dia, gostaria de dar alguma coisa à terra que me viu nascer... Veremos

Um grande beijo e:

Nkosi Sikeleli Africa (Deus abençoe África)

Fátima André disse...

Uma grande lição, Sim senhora!
:)

Anabela Magalhães disse...

Sem dúvida, Raul, longe desta tutela só se pode ter férias mesmo!!!
É africano por ser franco, aberto, sincero... ok, o que faz dele um sorriso bonito! Ok! :D

Gostei de passar por aqui e de te ler, Carmo. Aos poucos vais-te desvendando... é também para isso que serve um blogue, não?!
Fica muito bem!

BC disse...

"Na verdade, só há duas maneiras de abordar a vida: como vítima ou como um corajoso lutador. Temos que decidir se queremos agir ou reagir. Dar as cartas ou jogar com um baralho viciado.
E, se não decidirmos como queremos jogar com a vida, ela joga sempre connosco".
Obrigada pelo seu comentário ao meu texto no blog da Fátima,admiro
muito o trabalho de pessoas como a
Carmo,se não tivesse ainda muito que fazer por aqui, lá estaria aí, ou noutro lugar qualquer.
Tenho um pressentimento que ainda tenho qualquer outra missão a cumprir (sexto sentido a funcionar)
Como comecei a lançar os sorrisos, para aí vou enviar muitos, para os poder distribuir pelas crianças lindas!!!
Isabel

EMD disse...

Das latrinas...
Ou de como a Carmo nos faz reavaliar as pequenas felicidades quotidianas.

I LOVE YOU disse...

成人遊戲,免費成人影片,成人光碟,情色遊戲,情色a片,情色網,性愛自拍,美女寫真,亂倫,戀愛ING,免費視訊聊天,視訊聊天,成人短片,美女交友,美女遊戲,18禁,三級片,美女,成人圖片區,avdvd,色情遊戲,情色貼圖,女優,偷拍,情色視訊,愛情小說,85cc成人片,成人貼圖站,成人論壇,080聊天室,080苗栗人聊天室,免費a片,視訊美女,視訊做愛,免費視訊,伊莉討論區,sogo論壇,台灣論壇,plus論壇,維克斯論壇,情色論壇,性感影片,正妹,走光,色遊戲,情色自拍,kk俱樂部,好玩遊戲,免費遊戲,貼圖區,好玩遊戲區,中部人聊天室,情色視訊聊天室,聊天室ut,自拍,後宮電影院,85cc,免費影片,a片